Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Abril 2009

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930


Pesquisar

 


JÁ DIZIA GEORGE ORWELL ...

Sábado, 11.04.09

Em 92 abre portas em Portugal o Banco Alimentar contra a fome, com a louvável ética assente na gratuidade, dádiva, partilha, voluntariado e mecenato. Aparece, há não muito tempo, o Banco Alimentar contra a fome animal, e ,suponho eu, não será preciso explicar para que serve nem uma nem outra, pelo nome de cada uma chegam lá.

Após algum tempo de actividade, o Banco Alimentar contra a fome animal recebe um aviso dos advogados do Banco Alimentar contra a Fome que tem como consequência a suspensão de toda actividade dos voluntários e pessoal ligado à causa, retirando cartazes e folhetos. E porque? O Banco Alimentar contra a fome acusa o Banco Alimentar contra a fome animal de ter utilizado indevidamente as suas cores e logótipo e até o nome, de forma a aproveitar-se da publicidade e a projecção que conseguiram construir ao longo dos anos.

Ora, ora, ora ... que coisa tão feia!

Mas estamos ou não estamos a falar de instituições solidárias? Não é suposto ser o Banco alimentar contra a fome ser o primeiro a dizer . "Sim senhor, estamos cá para o mesmo, embora com destinatários diferentes, usem e abusem do nosso nome já feito". Não há inúmeros famosos que emprestam o seu nome precisamente para partilhar a sua publicidade com este tipo de causas, especialmente no seu começo? Não era precisamente esta a força que o Banco alimentar contra a fome animal está a necessitar neste momento?

O único problema em utilizarem nomes tão semelhantes é tentar escrever e depois ler uma notícia como esta, pois corre-se o risco de se ficar tão baralhado como ao conhecer a família Buendia do livro "Cem anos de Solidão".

Tirando isso, este tipo de acção não só fica tremendamente mal ao Banco alimentar contra a fome como  se mostra carente  dos seus maiores princípios: a dádiva e a partilha!

 

Cá estão os links de cada uma delas:

www.bancoalimentar.pt/

http://ajudaalimentaranimal.blogspot.com/

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Ana Galvão às 00:41

1 comentário

De Cláudia a 13.04.2009 às 10:31

Bom dia!

Quando ainda vivemos numa sociedade onde alguns animais têm a presunção que são pensantes em detrimento de outros que humildemente nos vão provando a sua amizade, não podemos livrar-nos das ditas questões legais.
São essas as questões que os animais assumidamente pensantes afinal precisam de criar para que não se comam uns aos outros... lei da sobrevivência uma ova!!! É a lei da maldade...
Afinal quem são os pensantes? Os que coexistem harmoniosamente ou os que têm essa fome de poder que os cega e torna tão individualistas?
Individualistas em três vertentes: os que sujam o nome de instituições de solidariedade com questões de desvios de fundos e de lutas de poder; os que simplesmente enterram a cabeça na areia e alheiam-se da envolvente e ainda os que criticam quem ajuda e acham que existe sempre uma causa mais nobre para se dedicarem, sem que afinal ajudem coisa nenhuma (muitas vezes nem a própria familia e amigos, quanto mais ...)

Enfim... é a tribo a que pertencemos...

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.



Comentários recentes

  • Isabel oliveira

    Aproveito este espaço para vos fazer um Apelo! Tem...

  • D. Leal

    A minha pergunta é: Não existiria uma maneira mai...

  • Ricardo

    Vim dar aqui, ao ver alguns videos do Nuno Marlk n...

  • Ana

    que gira esta fotografia :)

  • RUIM

    olha o david a usar as piadas do woody allen.....






subscrever feeds